A Base dos Sonacirema

133 0

Outro dia eu estava voltando do trabalho como Cameraman em uma grande corporação – beijo, patrão! – e percebi uma coisa que, como coisa, é perceptível em si: Eu sou pisável, eu sou a base.

O que isso quer dizer? Quer dizer que, como visão para o que foi escrito sobre luta livre nos últimos anos e o que será produzido daqui para frente, existe um apoio, como em um poetry in motion, pétreo e moço: eu.

É muito difícil entender isso, então talvez eu precise explicar melhor:

Imagine uma luta de escadas, eu sou a escada. Imagine uma steel cage, eu sou os buraquinhos. Imagine uma bra and panties on a pole match, eu sou o Taz anunciando a luta e dando a emoção necessária para que a criatura mulher possa, com toda sua feminilidade da mulher feminina, performar a idiossincrasia de seu pensamento.

Não obstante, é mister pensar primeiramente que não falo de uma posição de orgulho, mas sim de prostração. O caminho do homem justo está cercado por todos os lados pela iniquidade dos egoístas e pela tirania dos maus.

Quando cheguei em casa e desci de minha scooter, vento soprando na pele de meu crânio cansado entre as sombras profundas dos bueiros e os olhos ferozes de tantos detratores querendo me martelar, estava em êxtase.

Precisei escrever este texto para lhes dar a oportunidade de me dizer obrigado por, tal qual o jogador Neymar, abrir as portas do mercado internacional para vocês e entregar finalmente a caneta ao neandertal.

Os sonacirema parecem muito com a gente, mas eu sei que vocês não entenderiam porque, provavelmente, não leram o texto. Nem precisa ir procurar no google, é difícil demais para você.

Veja uma luta do John Cena enquanto eu ganho dinheiro.

Preciso de um shampoo novo.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do WrestleBR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Mais postagens

Mais uma vez eu vou falar sério

Posted by - 10 de outubro de 2021 0
Existem esforços reais de preservar a história do wrestling nacional, ou pelo menos remontá-la, costurar uma coisa que é tão…

A mamada do bezerro

Posted by - 11 de setembro de 2021 0
Um bezerro não pensa no passado, porque simplesmente não existe um para aquele quadrupede vacilante. Como um Jr. ele se…
Geração Orkut

Nostalgia barata

Posted by - 15 de outubro de 2021 0
Eu aprendi a escrever dentro do Orkut. É possível que você já tenha ouvido algum outro idiota falar sobre a…
Cachorro otário

Cachorro manso é otário

Posted by - 17 de setembro de 2021 0
Certa vez a dona Lucia, aquela que mandou a carta para a seleção, me escreveu uma cartinha dizendo o seguinte:…
Pitonga e Silvio Santos

Pitonga e Silvio Santos

Posted by - 20 de setembro de 2021 0
Quando o lutador Pitonga foi pela primeira vez ao programa Silvio Santos em 1984, ver lutadores brasileiros no estrangeiro era…