Tudo sobre a relação atual da WWE e a USA Network

128 0
Tudo sobre a relação da USA Network com a Fox

Na semana passada falamos sobre a relação da WWE com a Fox, temos algumas informações sobre a relação da USA Network com a WWE.

Com o WWE Draft acontecendo, os talentos não estão tendo muita informação, as fontes da WWE confirmaram ao Fightful semanas atrás que eles estavam trabalhando com a Fox e a USA Network nesse Draft.

Isso se deu para se certificarem de que todas as partes estivessem satisfeitas com a forma como o Draft terminará e onde as estrelas ficarão. Fontes na USA Network disseram que gostam das ideias de ter um roster exclusivo por brand. O pensamento predominante é de que eles preferem que continue assim.

Não dá para ter tudo

Embora muito se tenha falado sobre qual rede consegue quais estrelas, uma fonte da WWE comparou a situação à NFL equilibrando todos os seus parceiros de transmissão. A comparação específica desenhada foi que, idealmente, todas as emissoras desejariam Tom Brady, mas não terão ele em todas as semanas.

Pelo lado da USA no acordo com a WWE, os contatos da USA expressaram “contra-preocupações”, por assim dizer, a alguns na Fox, que estavam com a impressão de que a WWE usou a Fox para promover o Peacock em excesso.

Uma fonte com a qual falamos na USA Network apontou para as lutas Hell in a Cell que foram ao ar na Fox e na USA Network perto do PPV como um olhar sobre algumas das posturas entre as redes, e a WWE fazendo o seu melhor para trabalhar com os dois lados.

NXT 2.0 sendo elogiado

NXT foi um ponto muito falado. Andrew Zarian, da Mat Men, que colaborou com o Fightful nesta história, ouviu que a USA Network respondeu favoravelmente ao NXT 2.0 e a muitas das mudanças propostas.

Outra pessoa que trabalha na USA Network destacou o grande salto na audiência do NXT 2.0, assim como a queda nos valores de produção sendo algo que deixou os envolvidos muito felizes.

NXT 2.0 vem sendo elogiado pela USA Network. Foto: WWE

Outros pontos positivos mencionados por fontes da USA Network incluíram o segmento de abertura do NXT 2.0 e a luta de Bron Breakker. Além do casamento encerrando o show, a Diamond Mine e a luta pelo título NXT. A ideia de que a USA Network não se importa com o que está acontecendo foi anulada, pois as fontes falaram sobre sua familiaridade com o novo campeão Tommaso Ciampa.

Além disso, as fontes da USA Network com quem falamos disseram que estavam “entusiasmadas” com a direção do NXT 2.0 especificamente. Quando perguntadas se havia preocupação com a resistência do patrocinador, as fontes foram rápidas em notar que muitos de seus outros programas têm os mesmos elementos que o wrestling, e que deveria ser mais aceito no entretenimento esportivo.

A relação com a WWE

No que diz respeito ao relacionamento com a WWE, as fontes conectadas à USA Network falaram que os relacionamentos da USA com a WWE se estendem muito antes de muitos dos funcionários estarem vivos.

Fontes da USA rejeitaram de prontidão a noção de que “não se importam” com a qualidade do programa, e disseram que estão bem cientes das tendências de audiência, assim como reconheceram o declínio na audiência.

Também disseram que o declínio na audiência em relação ao início do contrato, enquanto que a competição não diminuiu tanto, é algo que eles gostariam de ver resolvido. A começar pela qualidade consistente do programa sendo melhor.

A mesma fonte disse que vários dentro da USA Network se cansaram de “bodes expiatórios e atalhos” nos dois anos anteriores à pandemia. E queriam que isso mudasse agora que os fãs ao vivo voltaram.

Entre eles estão vários Drafts e misturas no mesmo ano, o apagar das luzes na terceira hora do show, mudanças de brand, Raw Underground, evitar comerciais no meio de lutas, entre outras coisas.

O RAW Underground não deu muito certo. Foto: WWE

Deve-se observar que, embora um representante não se opor a esse tipo de inovação, eles não querem que elas sejam usadas como muletas ou bodes expiatórios.

A relação com Stephanie McMahon

Ao discutir a relação com as fontes da WWE, é evidente que Stephanie McMahon tem sido uma grande guardiã da conexão entre os dois lados.

Durante o verão, o presidente da NBCUniversal, Mark Lazarus, convidou Stephanie McMahon para se juntar a ele para uma reunião com o Paley Center for Media, que estava no NBC Sports Studios.

Além disso, a presidente da NBCUniversal de publicidade e parcerias globais, Linda Yaccarino, discutiu os planos da WrestleMania para Dallas e Los Angeles em um jantar em NY.

Airton Reis

Conheci a luta livre em 2008 e isso mudou a minha vida. Surgiu a ideia do WrestleBR em 2014 quando a WWE passou a ser ao vivo por aqui. Desde então, escrevo sobre tudo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Mais postagens