Bryan Danielson se tornou vilão nesse AEW Dynamite

93 0
Bryan Danielson contra Evil Uno no Dynamite

Mais uma quarta-feira de AEW Dynamite ao vivo na telinha do Space Brasil, e você acompanha aqui tudo que aconteceu nesse show de hoje.

O show dessa semana começou com uma recapitulação do Full Gear, e então Omega veio aceitar sua derrota. Pareceu um discurso de despedida.

Direto do ringue, a Dark Order já estava pronta para a celebração da vitória de Adam Page, que veio para a arena muito ovacionado.

Até que Bryan veio interromper a festa, e tudo indica que o American Dragon está se tornando um vilão. O público de Virginia estava contra ele, enquanto ele abraçava isso e provocava Adam Page.

O público pediu para deixarem eles lutar ali mesmo, e a Dark Order ameaçou deixar, mas acabou separando depois.

1ª luta: Bryan Danielson x Evil Uno

De praxe, Bryan começou com uma submissão de pernas em Uno, e ele continua trabalhando nas suas pegadas até que Uno conseguiu se recuperar com um atomic drop. Muitos chutes e tapas entre os dois aqui.

Bryan castiga bastante Uno, acerta chutes na sua cabeça e foi para o seu triângulo.

Vencedor: Bryan Danielson via submissão

Luta bem sólida, Bryan fez o vilão da luta e mandou bem demais.

Bryan disse que pegaria um por um da Dark Order até chegar em Adam Page, e como o Dynamite de semana que vem é em Chicago, seu próximo oponente será Colt Cabana.

MJF deu uma entrevista sobre a luta contra Darby Allin, e falou que o público precisa reconhecer que ele foi o melhor.

2ª luta: Orange Cassidy e Ishii vs. Butcher e Blade

Precisamos destacar que Butcher pediu uma folga da turnê de sua banda para lutar contra Ishii, pois era um dos seus sonhos.

A luta já ia começar com Ishii e Butcher, mas o açougueiro fez tag com Blade e vazou. E aí foi muita porrada que rolou nesse ringue, Ishii só não é mais violento que Orange Cassidy.

E então, Orange Cassidy foi para um crossbody na dupla adversária, jogou Blade pra dentro do ringue e Ishii desceu a lenha nele. Lariato seguido de um Ishii Driller, também conhecido como Brainbuster, e foi fatal.

Vencedores: Orange Cassidy e Ishii via pin

Foi a primeira vez que vi Ishii lutando, mas estou impressionado e quero muito mais. Chavas, se você estiver lendo, por favor me encha disso, pois estou com sede.

Andrade, seu assistente e a FTR estavam no backstage do Dynamite falando com Tony Schiavone. Andrade disse que tem uma mensagem para Cody e Pac, pois já provou ser melhor que eles, mas agora mostrará seu lado malvado.

Cash então diz que eles foram roubados, pois ele nem era o homem legal na luta e querem outra hoje mesmo, não precisa nem pagar a taxa. Mas vamos parar por aqui porque o Tully disse que pegaria o Arn Anderson na porrada.

3ª luta: Nyla Rose vs. Hikaru Shida

Nem sei quantas vezes elas já se enfrentaram, mas vamos para mais uma porque sempre são boas. Shida começou com tudo, mas Nyla é muito mais forte e rapidamente reverteu. Aí então Shida acertou uma joelhada seguida de um dropkick. Ela tava dando tudo de si.

Depois de um tempo, Shida montou uma cadeira, mas foi Nyla Rose quem colocou ela pra sentar lá. No entanto, ao tentar pular em cima da adversária, Shida escapou e Nyla Rose amassou a cadeira com tudo.

Foto: AEW

Hikaru Shida continuou fazendo de tudo para vencer, mas Nyla Rose acertou um powerbomb seguido de um running senton que deu ruim. Shida conseguiu um pin surpresa, mas Nyla escapou. Foi aí que Nyla Rose acertou sua submissão e não deu mais para Hikaru Shida.

Vencedora: Nyla Rose via submissão

O público contribuiu demais com essa luta, e elas fizeram muitos spots que fizeram o combate ser bastante legal.

E então, MJF veio ao ringue para fazer o que faz sempre. Criticou a cidade, criticou Adam Page, e tudo mais que viu pela frente. Até mesmo disse que ele merece ser o próximo campeão da AEW.

Mas quando ele disse que não tinha ninguém no Dynamite no mesmo nível que ele, veio aí ninguém mais ninguém menos que CM Punk.

O olhar de MJF aqui diz tudo. CM Punk não disse nada, recusou um aperto de mãos de MJF e simplesmente foi embora rindo.

Ainda nos bastidores, a SuperKliq ainda está querendo vingança contra Jungle Boy. Como nenhum deles está autorizado a lutar nesse Dynamite, isso acontecerá na sexta-feira. Veremos Jungle Boy e Luchasaurus contra Adam Cole e Bobby Fish.

Bobby Fish então aparece e começa a falar que eles colocarão um fim nisso, e antes que pudesse falar que aquilo é “undisputed”, Matt Jackson cortou dizendo que não podia falar aquilo ali.

4ª luta: Lio Rush e Dante Martin vs. The Acclaimed

Eu não quero falar sobre essa luta, pois eu sinto que eu não sou bom o suficiente para falar sobre ela. Lio Rush e Dante Martin são o melhor que você pode ter no momento, eles são muito bons e carregaram demais.

Teve um spot onde Lio pulou em cima da Acclaimed pra fazer a tag, e Martin fez o mesmo ao entrar no ringue. Foi incrível. Assistam.

Dante acertou seu moonsault, Lio Rush acertou um frog splash e foi isso.

Vencedores: Lio Rush e Dante Martin via pin

Sensacional.

Depois da luta, Taz voltou a tentar aliciar Dante Martin para entrar em seu time. Por favor, não faça isso Dante.

5ª luta: Sammy Guevara vs. Jay Lethal

Chegamos ao evento principal desse Dynamite.

Essa luta estava valendo o cinturão da TNT, mas me surpreende mesmo é ninguém ter chamado a polícia pra levar esses dois. A luta começou bem quente, Jay Lethal nem parece ser já um senhor de idade. Sammy foi para um shooting star press, mas ficou no joelho de Lethal.

Sammy ficou um tempão vendendo uma lesão na costela, mas logo voltou pra luta. Ele tacou Lethal numa mesa e foi se jogar num swanton, mas Lethal escapou.

Foi a vez de Jay Lethal aproveitar e castigar Sammy, mas o campeão ainda estava se mantendo de pé. Até que Lethal aplicou um figure four, e parecia que a luta acabaria ali. Mas foi após um running knee que Sammy Guevara conseguiu a virada, e ainda acertou mais uma joelhada.

Sammy então foi pro seu Go to Hell, acertou muitíssimo bem e o combate terminou aí.

Vencedor: Sammy Guevara via pin

Foi um bom combate, mesmo com alguns spots meio exagerados. Vimos Tony Nese na plateia, e depois a Inner Circle veio comemorar com Sammy.

Seguindo o código de honra, Sammy Guevara cumprimentou Jay Lethal, e o Dynamite terminou com ambos tendo as mãos levantadas pela Inner Circle.

Foto: AEW

E você sempre pode acompanhar tudo sobre o AEW Dynamite conosco pelo Twitter: @WrestleBR e Twitch: https://twitch.tv/wrestlebr

Airton Reis

Conheci a luta livre em 2008 e isso mudou a minha vida. Surgiu a ideia do WrestleBR em 2014 quando a WWE passou a ser ao vivo por aqui. Desde então, escrevo sobre tudo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Mais postagens