Por que CM Punk pode ser o grande trunfo da All Elite Wrestling?

2322 0
cm-punk-aew

CM Punk está de volta às manchetes. Desde 2014 fora da Luta Livre, o seu aguardado retorno voltou a ser rumor no último mês.

E isso se deve à estreia da mais nova companhia de Pro Wrestling mundial, a All Elite Wrestling.

A empresa, que fez o seu primeiro evento no último sábado (25), é apontada como a grande ameaça à WWE neste século, devido aos seus investimentos e elenco com estrelas do passado e presente.

Além disso, a forma de tratamento dada aos lutadores pela AEW parece agradar mais, como Jon Moxley declarou no podcast ‘Talk is Jericho’, comandado por Chris Jericho.

No dia 31 de agosto ocorrerá o próximo evento da companhia, o All Out, e Chicago, terra natal de Punk, será a cidade sede.

Se a AEW deseja se tornar a maior companhia de Luta Livre no globo, ela precisa de grandes cartadas. E CM Punk pode ser o grande trunfo da empresa.

Como? A gente te explica.

O retorno de CM Punk é o mais aguardado pelos fãs da Luta Livre

CM Punk deixou a Luta Livre em 2014 (Foto: WWE)

Ninguém esperava a saída de Punk da Luta Livre. O fim inesperado da relação se deu antes de uma edição do RAW, sem maiores explicações, que só chegaram tempos mais tarde, em uma entrevista concedida ao podcast de Colt Cabana.

Desde então, o nome de CM Punk não saiu da boca dos fãs, que todas as vezes que acreditam que o produto da WWE está ruim, gritam seu nome em polvorosa.

O lutador, porém, não parou de competir. Suas atenções, no entanto, foram para outro esporte: o MMA.

Meses depois, Punk estava de contrato com o UFC, e sua estreia foi uma das mais aguardadas. O nível de Phil Brooks para as artes marciais mistas era baixo, e suas duas únicas lutas no evento foram derrotas para lutadores que possuíam cartéis fracos.

Logo, o sucesso que o lutador teve no Pro Wrestling não foi alcançado no MMA.

E o retorno aos ringues pode ser um momento para ser lembrado eternamente. Depois de anos fora, o ‘melhor do mundo’ está de volta, surpreendendo a todos, que não esperavam mais vê-lo ali.

Ao contratar CM Punk, AEW provará que faz um produto diferente das demais

Stage do Double or Nothing (Foto: AEW)

Com toda a certeza, Punk não retornará para a WWE. Nem mesmo para as promoções independentes, onde tudo já foi conquistado. Japão? Também não, o lutador possui uma vida estabilizada nos Estados Unidos, com a sua esposa e também lutadora, AJ Lee.

O que faria Punk voltar aos ringues, então?

Um produto novo, com uma agenda flexível, liberdades de roteiro e bom ambiente de trabalho.

Quando o lutador saiu da WWE, a forma com que Vince McMahon, Triple H e sua trupe lidavam com as coisas incomodava o lutador.

A falta de protagonismo frente à outros lutadores, de menor capacidade nos ringues, mas que possuíam maior poder de vendas, também.

CM Punk queria ser o protagonista da própria história, e por isso decidiu sair. O relacionamento com os chefes da Luta Livre na WWE também não ajudou. A rotina pesada, idem.

O ressentimento com a empresa ficou, e isso fez com que parte dos fãs, semanalmente, tomasse as dores de Punk. E isso nos leva ao último motivo.

Punk seria o maior nome do “anti-WWE”

O lutador saiu de forma conturbada da WWE. (Reprodução)

A All Elite Wrestling quer se tornar a maior empresa do ramo. Os altos investimentos falam por si só.

Além disso, Cody Rhodes, os Young Bucks, Jericho etc, querem mostrar que a Luta Livre pode ser feita de maneira diferente.

O desejo de lutadores de migrar da WWE para a AEW mostra isso. Jon Moxley foi o primeiro grande nome dessa onda. Outros podem começar a surgir logo.

CM Punk, devido ao seu passado com a empresa, pode ser o maior nome do “anti-WWE” na Luta Livre.

E o que seria isso?

Seria a maneira de ver a WWE como a vilã da Luta Livre mundial, onde seus métodos e formas de tratar lutadores estão falidos, e Vince McMahon tornou o Pro Wrestling um pesadelo para os lutadores, estes que fazem a arte acontecer.

O público, de fato, poderia compactuar com essa ideia, haja visto que a simpatia com o produto atual da WWE está caindo a cada dia.

No entanto, tudo isso é suposição. As conversas entre CM Punk e a All Elite Wrestling ainda não passam de especulações.

Caso aconteça, o mundo da Luta Livre pode virar de cabeça para baixo.

E nós estaremos de olhos bem abertos.

Lucas Gomes

Não sou um profissional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Mais postagens

A Base dos Sonacirema

Posted by - 8 de setembro de 2021 0
Outro dia eu estava voltando do trabalho como Cameraman em uma grande corporação – beijo, patrão! – e percebi uma…