Se Wrestling fosse um esquema de pirâmide

176 0
O esquema de pirâmide de Michael Scott

Lembram aquele episódio de The Office que o Michael tenta vender um esquema de pirâmide para o pessoal do escritório?

Eu estava aqui tranquilamente no meu casulinho, bebendo um negócio e pensando em estragar seu dia. 

Foi então que uma ideia me bateu: Wrestling como uma esquema de pirâmide. 

Imagina se eu chego para você e falo que é possível ficar rico com luta livre, que você só precisa trabalhar para mim e chamar dois amigos para trabalharem para você?

Logo teríamos uma empresa cheia de empregados e empregadores. 

Cada um pagaria 50 reais para o outro e eu fugiria para a Guatemala. Mas imagina se fosse possível realmente ficar rico com Wrestling no Brasil?

Seria engraçado, pois para mim soa, atualmente, tão doido quanto um esquema de pirâmide. E isso é uma pena. 

Atualmente trabalhar com luta livre é uma forma de tentar pagar para que as pessoas vejam o que você oferece. 

Não é possível dizer que é uma falta de esforço das empresas ou das pessoas envolvidas. Geralmente o que não falta é esforço.

Mas é um processo tão cansativo que seria mais fácil a gente montar um esquemão de pirâmide mesmo. 

Eu não sei do que eu estou falando, mas parece que falar merda irrita um pouco as pessoas e eu recebo para isso.

Logo, se eu recebo para isso, estaria eu num esquema de pirâmide? Só se eu passar esse trabalho para mais duas pessoas e elas para mais duas cada…

No final a gente faz uma battle royal e vê no que dá.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do WrestleBR

O Mosca

A vida é uma caixinha de surpresas, uma caixa de bombons e um CD do roupa nova, tudo embalado num saco de lixo que fica guardado embaixo da sua cama enquanto ela é ocupada pelo leiteiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Mais postagens