Estou exercendo o meu direito de chamar o NXT de ruim

145 0
Mas o NXT nem foi ruim

Enquanto ainda é possível assistir e criticar coisas ruins, cá estamos para mais um episódio do NXT. E adivinha só, o NXT dessa semana foi ruim! Mentira, nem foi ruim, na verdade o show foi até razoável. Mas gosto é igual bumbum, e cada um tem o seu e faz o que quiser com ele. Não seja um fiscal do que outras pessoas fazem, é chato.

Começamos o programa dessa semana com Joe Gacy, o desconstruído, enfrentando Tommaso Ciampa. Pra surpresa de muitos, a luta durou mais que 10 minutos. E foi uma boa maneira de abrir o NXT, olha que surpresa, nem tudo por aqui é ruim.

Depois da luta, Harland veio e pegou Gacy pelo pescoço, que tentou se safar com um pouco de carinho. Foi o suficiente para afastar o skinhead. Enquanto isso, Gacy tentou ajudar Ciampa, e levou um empurrão do campeão.

Sem perder tempo, Toxic Attraction veio ao ringue para falar que pegarão todos os cinturões para elas. E que no Halloween Havoc, elas estarão vestindo ouro. Ainda sobrou tempo para falar um “bitch”, pois o NXT é ousado.

Xyon Quinn se prepara para ser o Karrion Kross de amanhã

Tatuagem cobrindo o peito e braços, cara de malvado e nome esquisito, Xyon Quinn tem todos os requisitos para subir e fracassar como Karrion Kross. E ele atropelou Malik Blade em menos de três minutos, três pontos para ele.

Foto: WWE

Se acumular 1000 pontos até o fim do ano, ele recebe o troféu Karrion Kross e estará elegível para subir ao elenco principal para perder por roll-up para Jeff Hardy.

Ivy Nile veio lutar, representando a Diamond Mine, que assim como uma mina de diamante, causou diversos estragos no elenco do NXT. Antes mesmo de estrear, já tinha gente da Diamond Mine sendo demitida, inclusive Arturo Ruas.

Mas antes, Swerve esteve nos bastidores falando que levará o North American Championship com ele para o SmackDown.

Brasil, sil sil!

E então tivemos uma boa surpresa, pois a adversária de Ivy Nile era a nossa Valentina Feroz. A amazonense veio com as cores de seu estado, e até tentou, mas não conseguiu superar a integrante do Diamond Mine.

Foto: WWE

Melhor sorte na próxima, Valentina!

Não sei o que a WWE tenta com o Ikemen Jiro, porque eu não acompanho tanto do que acontece no Japão, mas tenho certeza que é algum estereótipo.

Um dos capangas de Roderick Strong lutou com Jiro, que mais uma vez se recusa em tirar a jaqueta para lutar. Creed venceu Jiro e é isso aí.

Logicamente, a Diamond Mine atacou Jiro ao fim da luta, mas Kushida veio salvar o amigo. Kushida quase acertou um soco na Ivy Nile, mas recuou e foi punido pela Diamond Mine em sequência. Ótima maneira de enterrar dois japoneses de uma vez só.

Segments e mais segments, e então tivemos Kyle O’Reilly e Von Wagner contra Pete Dunne e Ridge Holland, que até então foi a luta mais elaborada do show. Mas o que mais me impressiona, ainda, é como Von Wagner parece com Great Khali.

Foto: WWE

E essa luta durou bastante. Wagner conseguiu a vitória.

A inspiração do NXT 2.0 vem de Hermes e Renato

Na sequência fomos direto para a Universidade Andre Chase, onde ele estava dando uma explicação sobre a interferência da semana passada. Mas um aluno resolveu fazer uma pergunta, e aí Andre Chase prestou uma grande homenagem ao Hermes e Renato. Veja abaixo.

Vídeo: WWE

Em seguida, tivemos uma luta curta entre Duke Hudson e Grayson Waller, nada a acrescentar aqui. Eu tive que pesquisar o nome deles para incluir no texto, e imagino que vocês farão o mesmo. Nenhum dos dois impressiona.

Indi Hartwell deu um beijinho em Dexter Lumis e foi junto a Persia Pirotta para o ringue. Um belo anel está usando a senhora Hartwell-Lumis.

Foi o tempo de ir buscar o lanche e a luta já tinha acabado, não deu nem tempo de ver Sarray e Amari Muller no ringue. Mas Io Shirai e XXX apareceram para cortar o barato das vencedoras, e mais uam vez roubaram a cena.

E então Toxic Attraction veio e a confusão estava armada. Tudo indica que veremos as três duplas se enfrenando no Halloween Havoc.

Depois disso tivemos um segment onde Grayson Waller deu em cima de Cora Jade, em seguida falou sobre sair com uma mina de tubinho azul que não sei quem é, e então Cameron Grimes vendo isso tudo pediu dicas.

Foto: WWE

Waller sugeriu que ele raspasse os pelos do corpo e sugeriu que entrasse pro Tinder. E mais alguns comentários que eu prefiro nem trazer para cá. Bem a cara do NXT que Vince quer.

E por fim, tivemos Swerve defendendo seu cinturão norte americano contra Santos Escobar. E tudo indica que a WWE queria segurar a audiência, pois até o picture-in-picture rolou, que é quando o comercial divide a tela com a luta rolando.

Voltamos e ainda falta 9 minutos para o fim do NXT, isso significa que ou teremos um grande combate, ou teremos mais um comercial. Até o momento, a luta estava bem trabalhada pelos dois.

Vale lembrar que Swerve agora está no SmackDown, então cedo ou tarde ele perderá esse cinturão para seguir com sua vida.

Tem MITB no NXT?

A Legado veio para interferir na luta, mas então veio Carmelo Hayes e Trip Williams para impedir a injustiça. Swerve conseguiu desviar do Phantom Driver e acertou seu driver slam para vencer. O cinturão estava indo para o SmackDown.

Aí que veio a pergunta, porque logo depois da luta Carmelo Hayes atacou Swerve e assinou um contratinho. Pelo que entendi, ele venceu o torneio de Breakout Star e tinha direito a disputar o cinturão.

Disputou e venceu, e o cinturão fica no NXT. E assim termina o NXT dessa semana, que não foi ruim, mas eu vou chamar de ruim mesmo assim.

E você sempre pode acompanhar tudo sobre o nem sempre ruim NXT conosco pelo Twitter: @WrestleBR e Twitch: https://twitch.tv/wrestlebr

Airton Reis

Conheci a luta livre em 2008 e isso mudou a minha vida. Surgiu a ideia do WrestleBR em 2014 quando a WWE passou a ser ao vivo por aqui. Desde então, escrevo sobre tudo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Mais postagens